cadeiras certificadas cadeiras certificadas

Cadeiras certificadas: por que esse é um bom sinal?

8 minutos para ler

Um dos itens mais importantes no local de trabalho é a cadeira. Isso porque passamos a maior parte do nosso dia sentados, o que pode significar grande estresse para a região lombar. A escolha correta influencia diretamente na redução do cansaço, na concentração e determina até mesmo a produtividade do seu time.

Grandes aliadas nesse momento, as cadeiras certificadas contribuem para a saúde dos funcionários e geram economia para as empresas. São várias as opções disponíveis para escritório, como executiva, operacional e longarina.

Para ajudar você a entender melhor sobre o assunto, tiramos todas as dúvidas com o especialista e supervisor técnico do Laboratório Galileo da Flexform, Francisco Chen Frias, que atua na gestão de qualidade e testes de todos os produtos, realizando ensaios acreditados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) em diversos escopos como cadeiras, logarinas e auditórios. Além de ser Secretário da Comissão de estudos de assentos na Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Confira!

Principais cadeiras para escritório

O item não deve ser escolhido apenas pela estética, mas pela segurança e pelo conforto. Existe uma norma específica que estabelece as exigências técnicas para os assentos utilizados no local de trabalho, a norma técnica ABNT NBR 13962:2018. Além disso, a NR17 é uma regulamentação do Ministério do Trabalho e Emprego que estabelece os parâmetros de adaptação das condições de trabalho, tanto das características físicas quanto psicológicas dos colaboradores de uma empresa.

Chen pontua que, de acordo com essa norma, as cadeiras podem ser divididas em dois tipos, as giratórias operacionais e as de diálogo. A primeira se refere à cadeira que apresenta dispositivos que permitem um mínimo de regulagem no giro da concha, assento e base da cadeira. Já a segunda são as que podem ser giratórias ou fixas em relação ao seu assento, sem nenhum tipo de regulagem de altura, podendo apresentar apoio regulável ou fixo para lombar e braços.

Ele explica que “segundo o item 3.1 da norma ABNT NBR 13962:2018, as cadeiras giratórias operacionais podem ser classificadas em quatro tipos, ou seja, A, B, C ou D, conforme a quantidade e tipos de regulagem. São eles:

  • tipo A: possuem regulagem de altura de assento e de apoio lombar, inclinação de encosto e do assento e profundidade do assento;
  • tipo B: possuem regulagem de altura de assento e de apoio lombar e inclinação do encosto;
  • tipo C: possuem regulagem de assento e de apoio lombar;
  • tipo D: possuem apenas regulagem de altura do assento.

Com princípios básicos como estabilidade, ergonomia, desempenho e proporção, a escolha do modelo ideal deve sempre ser feita pensando nas funções de quem vai utilizá-la e o espaço que ocupará no ambiente corporativo.

São vários formatos, modelos e tipos de materiais disponíveis para as cadeiras de escritório, fazendo com que haja uma certa dificuldade em encontrar a ideal. Além dos aspectos de adequação e design nas estações de trabalho, é essencial que as cadeiras sejam certificadas e que se comprove por meio de um relatório de ensaio de atendimento à norma.

Para ficar mais simples na hora da escolha, a seguir, listamos os tipos de cadeira para escritório que podem ser encontrados e suas características de acordo com o uso no ambiente.

Cadeira executiva

Apropriadas para salas de reunião e escritórios individuais, essas cadeiras apresentam ajustes de regulagem na altura do assento, inclinação do encosto, apoio de braços e lombar e assentos anatômicos. Perfeitas para ambientes internos. Elas também contam com design diferenciado. São feitas em materiais nobres com acabamentos luxuosos e apoio para cabeça, o que garante estabilidade na coluna.

Cadeira operacional

Modelo indicado para a realização de atividades que envolvem uso de computadores, também são cadeiras ergonômicas e evitam dores nas costas e lombar para quem trabalha sentado durante 8 horas por dia.

Cadeira longarina ou de recepção

Por fim, as cadeiras longarinas ou de recepção são aquelas usadas em salas de esperas, oferecendo conforto às pessoas que aguardam atendimento. Apresentam excelente durabilidade e design moderno, além de serem certificadas em testes de resistência.

Vantagens das cadeiras certificadas

Após aprender e entender os tipos de cadeiras para escritórios, chegou a hora de conhecer as vantagens de escolher modelos certificados para sua empresa ou até mesmo home office.

“A certificação de produtos se trata da avaliação ao qual um produto é submetido por um organismo de certificação de produtos (OCP) independente” afirma o supervisor técnico. Ele ainda aponta que o objetivo dessa avaliação é verificar se os produtos atendem a todas as normativas exigidas, como estabilidade, dimensionalidade, durabilidade e resistência, bem como se a fabricação é gerenciada por meio de sistemas de gestão.

Os benefícios destacados por Francisco são:

  • fornecer ao mercado produtos seguros, atendendo às normas técnicas;
  • aumentar a competitividade;
  • promover redução de desperdício e de retrabalhos durante o processo produtivo.

Ele indica a consulta ao site do Inmetro para realizar a melhor escolha de OCP, já que assim é possível encontrar os modelos que foram acreditados pelos ensaios nos laboratórios e aprovados pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro.

Por meio de avaliações de requisitos de qualidade, as cadeiras certificadas promovem a melhoria da produtividade e do processo organizacional, estimulando a conscientização dos colaboradores além de contarem com garantia de excelência pela Marca de Conformidade UL.

Para saber se uma cadeira é certificada, basta procurar por um selo de certificação afixado no produto na parte inferior do assento. Nesse selo existe a marca da certificadora e a norma à qual o produto está certificado.

Tipos de certificações

De acordo com o Sistema Brasileiro de Certificação, existem dois tipos de certificação às quais uma cadeira precisa ser submetida:

“No caso da certificação obrigatória, uma vez atestado pelo OCP que o produto e sua fabricação atendem aos requisitos, é fundamental que o objetivo seja registrado no Inmetro, conforme o estabelecido na Resolução Conmetro nº 5, de 06 de maio de 2008”, destaca o secretário.

Fornecedores de cadeiras certificadas

A certificação das cadeiras de escritório segundo a norma é de caráter voluntário. Dessa maneira, escolher por fabricantes que optam por esse processo é um diferencial de comprometimento de segurança, usabilidade e conforto aos clientes. Os fornecedores de cadeiras certificadas garantem que cada produto ofereça o melhor que o mercado procura, aumentando a produtividade de seus colaboradores.

Na Flexform, é possível encontrar produtos com certificação tanto voluntárias quanto compulsórias, sempre de acordo com as funções e determinações que se enquadram. Um exemplo, são as cadeiras plásticas monobloco (fabricadas totalmente em plástico em única peça), únicas em que a certificação é obrigatória. Por isso, no momento de comprar, verifique no site do Inmetro se a fabricante possui os requisitos necessários.

Chen esclarece que os produtos, independentemente da certificações, dispõem de um Certificado de Conformidade emitido pelo OCP, responsável pelo processo que garante que o item atende às exigências.

Diferenciais da Flexform

“A Flexform está sempre somando esforços para o contínuo desenvolvimento de produtos que atendem às demandas do mercado, adotando referências normativas nacionais e internacionais, integrando design, qualidade, inovação e sustentabilidade”, afirma o supervisor técnico do Laboratório Galileo.

O objetivo é garantir assentos que retratem as características de cada indivíduo, proporcionando saúde, bem-estar, conforto e consequentemente produtividade, com opções personalizadas para atender às necessidades específicas do mercado. Contudo, o secretário afirma ser importante realizar verificações para garantir que esses produtos denominados como “especiais” cumpram com os ensaios propostos pela norma ABNT NBR 13962:2018.

Além de atuar diretamente na Flexform, Francisco Chen Frias também é Secretário da Comissão de Estudos de Assentos, garantindo que as cadeiras certificadas sejam grandes aliadas para um espaço de trabalho saudável e funcional.

Conseguiu sanar suas dúvidas sobre a certificação de cadeiras e entender sua importância e seus benefícios para a empresa? Entre em contato e garanta o melhor para que seu escritório ofereça saúde, bem-estar, qualidade de vida e muita produtividade a todos!

Posts relacionados

Deixe um comentário