Ergonomia no escritório: 11 dicas para uma rotina mais produtiva

Quando se cria um local de trabalho, seja na empresa ou em home office, garantir a ergonomia no escritório é prioridade. Afinal, ela interfere tanto na saúde quanto na produtividade do dia a dia.

Para isso, é possível seguir dicas simples, que ajudam a preparar o escritório e tomar boas decisões de ergonomia.

Neste post, saiba melhor sobre esse conceito e como é importante adequar o escritório às suas normas. Veja também 11 dicas de ergonomia para aplicar no trabalho. Boa leitura!

O que é ergonomia e por que é importante?

Segundo a Cartilha de Ergonomia – Aspectos relacionados ao posto de trabalho, elaborada pelo Ministério da Saúde em 2020, ergonomia é uma ciência que busca otimizar o bem-estar das pessoas.

No material, conforme a definição da Associação Internacional de Ergonomia (IEA), ergonomia é uma disciplina, cujo foco é entender a interação entre as pessoas e os elementos do trabalho.

A partir disso, ela aplica métodos que possam melhorar o ambiente de trabalho e garantir a saúde, segurança e bem-estar de cada pessoa. Nesse caso, a ergonomia no escritório é aplicada avaliando alguns elementos como:

  • dimensões do local de trabalho;
  • mobiliário e seu estado de conservação;
  • qualidade das diferentes instalações;
  • temperatura ambiente;
  • equipamentos usados no dia a dia do trabalho.

Dessa forma, é possível garantir o ambiente mais adequado para que a pessoa desenvolva as suas funções. Isso, na prática, resulta no bem-estar buscado, mas também em uma boa produtividade.

Por exemplo, quando uma pessoa trabalha com uma cadeira de escritório adequada, iluminação correta e temperatura agradável, não ficará incomodada com calor excessivo, excesso ou falta de luz, nem dores nas costas.

Com isso, pode focar no objetivo da tarefa que está produzindo. Aliás, esta é a razão de porque a ergonomia no escritório deve ser prioridade para quem faz home office.

Como garantir a ergonomia no escritório com 11 dicas?

Agora que você sabe alguns elementos que compõem a ergonomia e o modo como ela influencia no dia a dia, confira 11 dicas para aplicá-la no seu ambiente de trabalho!

1. Tenha uma cadeira de escritório adequada

A cadeira de escritório é um dos principais móveis que influenciam na ergonomia no escritório. Afinal, você passa muito tempo sentado nela. Portanto, é essencial que ela tenha qualidade e o formato adequado.

Segundo o Guia de Ergonomia – Orientações para compra de mobiliário, da FioCruz, a cadeira deve ter:

  • rodízio;
  • apoio para braços;
  • encosto;
  • mecanismos de regulagem de altura para assento, encosto e apoio para braços.

Além disso, para garantir a qualidade ela deve cumprir diversas normas ergonômicas. Por exemplo, a ABNT-NBR 13962:2006, que comprova que a cadeira foi testada em vários aspectos, como estabilidade, por um laboratório acreditado pelo Inmetro.

Dessa forma, ela garante a segurança e a postura adequadas, que envolvem ter a coluna sustentada pelo apoio lombar e os braços posicionados em 90°C.

2. Escolha uma mesa apropriada

A mesa também é importante para a ergonomia. Por isso, o indicado é que ela tenha bordas arredondadas, para não ocorrer a compressão dos pulsos.

Além disso, ela deve permitir que o monitor do computador fique na altura dos olhos, bem como que haja espaço para teclado e mouse, que têm que ficar próximos. Embaixo dela, também não se pode ter fios e objetos que atrapalhem as pernas.

3. Mantenha a postura correta

A sua postura é outro elemento que influencia diretamente na ergonomia no escritório. Para manter a adequada, é importante seguir algumas dicas como:

  • não deixe o pescoço inclinado para baixo;
  • mantenha a cadeira sempre próxima à mesa;
  • coloque quadris bem encostados no assento;
  • não incline o corpo para a frente;
  • mantenha angulação neutra na hora de digitar no mouse ou teclado e retire a mão, quando não estiver usando.

4. Regule a temperatura

Segundo a Cartilha do Ministério da Saúde, a temperatura ideal de um ambiente de trabalho deve ser entre 20ºC e 23ºC, conforme a ISO 9241.

Para isso, mantenha a mesa perto de uma janela, ou conte com equipamentos, como ar-condicionado e climatizador.

5. Ajuste a iluminação

As normas NR-17 e NBR 5413 da ABNT estabelecem que a iluminação deve ser difusa e bem distribuída. Ou seja, deve-se evitar reflexos, ofuscamentos ou sombras. Além disso, é indicado que as luzes se mantenham entre 500-750 e 1.000 lux.

Aqui também é importante que o monitor se mantenha a um braço de distância e que seu brilho seja ajustado.

6. Use acessórios complementares

Alguns tipos de acessórios complementares podem ajudar na ergonomia. Por exemplo, você pode usar:

  • apoio para os pés para evitar pressão nas pernas;
  • cortinas para as janelas;
  • apoio para levantar notebook;
  • mouse e teclado sem fio para notebook.

7. Faça pausas

Fazer pausas é importante para sair da postura rígida e manter a boa circulação. Nesse caso, elas são indicadas a cada 50 minutos para você se levantar, comer e caminhar. Mas antes disso, também é possível fazer pequenas pausas, olhando à distância para descansar os olhos.

8. Beba água

A hidratação é fundamental para manter a saúde e a concentração. Sendo assim, a indicação é beber 35 ml/kg, cerca de 2 a 2,5 l de água por dia, conforme a Cartilha do Capes.

9. Tenha cuidado com o som alto

Para o som, as normas NR MTE 17 e NBR Inmetro 10152 estabelecem ruídos máximos de 65 dB. Sendo assim, é importante controlar o volume dos sons, especialmente se você usar fones de ouvido.

10. Ajuste os outros itens do escritório

Outros itens do escritório também podem ser ajustados para garantir a ergonomia. Por exemplo:

  • mantenha o telefone por perto ou use um headset;
  • não fale ao telefone com o pescoço inclinado;
  • deixe a mesa de trabalho organizada e limpa;
  • prefira decoração suave e busque evitar, ou usar com cuidado, as cores mais fortes.

11. Faça exercícios de alongamento

Os exercícios de alongamento ajudam no fortalecimento muscular e a prevenir condições, como a lesão por esforço repetitivo.

Sendo assim, busque fazer ginástica laboral, mesmo em casa. Por exemplo, um exercício é esticar os braços para a frente, ou massagear ombros, braços e pescoço, durante as pausas.

A ergonomia no escritório é essencial para a saúde e influencia diretamente na produtividade. Dessa forma, é importante investir nela por meio de ações simples, como as 11 dicas que passamos. Assim, seja na empresa ou no home office, você pode ter um escritório adequado, para trabalhar com mais qualidade, conforto e segurança.

Gostou do post? Siga a gente no Instagram e no Facebook e descubra mais conteúdos!

 

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.