móveis para area externa

Móveis para área externa: veja como fazer as melhores escolhas!

Está cada dia mais comum a integração dos espaços internos com os ambientes externos das residências. Entre essa tendência, encontramos muitas referências à natureza dentro das casas e às varandas gourmets. Por isso, os móveis para área externa da casa devem ser apropriados para resistir às intempéries, como vento, poeira, umidade e sol.

Sendo assim, faça a sua escolha pensando nos materiais especialmente desenvolvidos para esses ambientes, que podem compor varandas, quintais, decks e outros. É importante, ainda, aliar esses fatores à definição das cores e à disposição dos itens nos ambientes, até chegar ao resultado que você imaginou.

Neste post, selecionamos algumas sugestões que podem tornar essa tarefa divertida e interessante. Acompanhe e comece a sua decoração hoje mesmo!

Analise a resistência dos móveis e dos itens de decoração

Considerando que os móveis da área externa ficarão expostos às agressões naturais, conforme citamos logo acima, os materiais precisam ser resistentes para garantir a durabilidade que você espera ter. Esses materiais não podem desbotar ou deformar com a incidência do sol, da chuva, do cloro da piscina e de ventos fortes.

Assim sendo, é prudente evitar o ferro, a menos que a estrutura tenho sido submetida a tratamento especial para proteção contra a oxidação. Veja a seguir, algumas sugestões de materiais e como eles podem ser usados.

Alumínio

Mobiliários feitos de alumínio tendem a apresentar mais leveza e facilidade para deslocamento de um lugar para o outro. Por isso, podem funcionar bem para essa finalidade, além de serem mais práticos para limpar, duráveis, bonitos, modernos e resistentes.

Mantenha-os brilhantes e com aspecto de novos por mais tempo aplicando cera automotiva incolor e procure usar flanelas macias para remover o pó.

Madeira

Trata-se de um material aconchegante por natureza. E, se mesclado com elementos modernos, o ambiente fica ainda mais acolhedor. No entanto, antes de expor os móveis à área externa, é preciso certificar-se de que a madeira já foi tratada na fábrica. Caso contrário, você pode recorrer a alguns seladores e aplicar para que se forme uma camada de proteção. Dessa maneira, o seu móvel pode durar mais tempo.

Garanta a manutenção do brilho impermeabilizando os móveis a cada seis meses, com o uso de tintas ou vernizes resistentes à ação da água e do sol.

Fibras

Sejam naturais ou sintéticas, as fibras são charmosas e conferem uma aparência acolhedora ao ambiente, integrando-se perfeitamente aos jardins e a espaços decorados com plantas. As fibras naturais mais fáceis de encontrar são o vime, o rattan e o junco.

As sintéticas, normalmente, são feitas de material plástico e conseguem reproduzir perfeitamente a aparência da fibra natural. Porém, sua vantagem é a resistência e a durabilidade às alterações do tempo, incluindo a maresia. Para manter seus móveis de fibra sintética em bom estado, use aspirador ou espanador de pó. Se preferir limpar mais profundamente, recomenda-se água, uma esponja macia e sabão neutro.

Polipropileno

Os móveis fabricados em plástico (polipropileno) são práticos para limpar e leves para manusear. O mercado já oferece peças com tratamento contra a radiação ultravioleta, o que prolonga a vivacidade das cores, além de garantir as características do produto.

Da mesma forma que as fibras sintéticas, esses móveis de plástico pedem uma manutenção feita com água, sabão neutro, pano ou esponja bem macia para não os arranhar.

Ferro

Móveis de ferro duram mais tempo e seu design e acabamento são únicos no quesito decoração, desde que sejam devidamente tratados, conforme já dissemos antes. Contudo, apesar da vantagem da duração mais longa, são mais caros e pesados.

Então, ao optar por esse material, esteja ciente de que todo ano será preciso aplicar uma camada de proteção para conservá-lo contra a ferrugem. Se você notar alguns pontos de oxidação, portanto, trate de lixar e selar devidamente. Depois, pinte com esmalte antioxidação.

Invista em tecidos impermeabilizados

Fora das casas, nem sempre os móveis ficam cobertos, por isso, é fundamental que os tecidos escolhidos para revestir assentos e almofadas seja impermeáveis. São as conhecidas tapeçarias de móveis para áreas externas. Você pode optar por modelos de couro náutico, sintéticos de acrílico e de vinil.

No entanto, apesar de poder contar com materiais que garantam a proteção dos seus móveis contra agressões externas, nunca é demais recorrer a uma lona para cobri-los quando eles não estiverem em uso.

Escolha móveis funcionais

Quando falamos em decoração, automaticamente já pensamos no aspecto estético, e isso é muito natural. No entanto, a funcionalidade é essencial, afinal, sem ela não há conforto, nem bom aproveitamento de espaço. É bom lembrar-se de que dispor os móveis de maneira harmoniosa e clean colabora com a sensação de bem-estar de quem chega ao lugar e lá permanece.

Por isso, aposte em móveis que ofereçam essas qualidades, como mesas redondas protegidas por ombrelone, para curtir um papo com amigos apreciando um petisco, mesas laterais para apoio de objetos, seat garden para servir como assentos extras e apoio, entre outras opções.

E, para descansos mais prolongados em ambientes externos, nada como uma chaise redonda ou uma espreguiçadeira em um local de estar ou na piscina. Contudo, procure sempre unir tudo isso ao seu próprio estilo.

Foque no conforto

Seria perfeito se pudéssemos ficar a maior parte do tempo ao ar livre. Muitos ainda estão frequentando seus escritórios ou fábricas. Pode parecer óbvio, mas não é todo mundo que entende o valor de um móvel confortável e ergonômico nas áreas externas da casa.

E, justamente porque são usados para curtir uma “preguicinha” que devem ter o máximo de conforto. Então, mais uma vez, a poltrona tradicional cede a vez para uma chaise ou uma espreguiçadeira com formas orgânicas, para abraçar o corpo confortavelmente.

Aposte em um lindo jardim

Hoje, tem-se valorizado a natureza como nunca, quando o assunto é decoração. Em áreas urbanas, a alternativa mais viável são os jardins, mesmo em espaços pequenos. Eles enchem o local de vida, oxigênio e sensação de paz, isso mesmo! Portanto, não deixe de criar o seu canto de aconchego externo com composições feitas com flores e plantas variadas, de cores, tamanhos e espécies diferentes e que se harmonizem entre si.

Um especialista em manutenção de plantas, geralmente em viveiros, pode orientar corretamente sobre como elaborar o seu jardim da melhor maneira. Ao complementar a sua decoração com os móveis para área externa usando plantas, você verá como tudo fica melhor, mais bonito e delicado.

Fique atento às tendências

Para não se sentir perdido em meio a tantas opções, não deixe de conferir as últimas tendências. Se você está em busca de uma casa mais contemporânea, ajustada ao seu estilo, procure pelas novidades, principalmente com a ajuda da internet, onde tudo acontece em tempo real. Porém, saiba de antemão que uma das tendências mais seguidas pelo público ultimamente são os móveis artesanais com materiais entrelaçados, de texturas que criam a sensação de volume e movimento.

Um bom exemplo já foi citado aqui: as fibras sintéticas, com aspecto rústico, que são apresentadas com grande variedade de tramas vazadas finas e grossas, tricô e crochê náutico, corda, entre outras formas.

Embora essas referências sejam as mais procuradas e oferecidas hoje em dia, nada impede que você faça um mix com outras peças e crie um espaço totalmente personalizado, mostrando claramente a sua personalidade.

Enquanto estiver montando o seu projeto com móveis para área externa, não se esqueça de que você está compondo um ambiente fora da casa e, por isso, é sempre bom ficar de olho nas dicas de manutenção, conforme já adiantamos no início deste post.

E mais: pesquise muito bem sobre o fornecedor dos seus móveis para garantir o máximo de qualidade e durabilidade dos produtos. No mais, é só aproveitar ao máximo os seus momentos de descanso e lazer com a família e os amigos.

Se você gosta de ficar sempre por dentro das tendências em móveis, principalmente para escritórios, assine a nossa newsletter e atualize-se sempre!

Quer receber mais conteúdos como esse ?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.