conforto acústico

Como melhorar o conforto acústico nos ambientes: veja 5 dicas!

Todo barulho em excesso, seja em casa ou no trabalho, é desagradável e até perturbador em determinados casos, principalmente agora que muita gente aderiu ao home office. E, sabemos que em casa, esse problema pode ser ainda mais desafiador.

Por isso, é fundamental manter o máximo de conforto acústico para tornar o dia a dia mais tranquilo, afinal, um ambiente calmo e sem ruídos pode garantir mais produtividade e bem-estar em qualquer lugar.

Mas como melhorar a acústica dos ambientes? Neste post falaremos sobre conforto acústico e como usar estratégias para reduzir ruídos e deixar o seu local de trabalho e a sua casa mais confortáveis! Que tal dar uma conferida?

O que é conforto acústico e qual a sua importância?

Na arquitetura, a acústica é considerada determinante para a qualidade de uma obra. Por isso, o conforto acústico ocupa uma área de estudos conhecida como Conforto Ambiental, que engloba a iluminação natural e o conforto térmico. Por meio dessa disciplina, é possível controlar a recepção, a emissão, a reprodução e a transmissão de sons.

É por isso que, na hora de tentar melhorar a acústica de um ambiente, a primeira coisa a fazer é pensar em meios de diminuir os ruídos externos, bem como os sons que se propagam internamente. Isso significa tentar criar barreiras para dificultar a perturbação causada pelos sons de carros de propaganda e música alta na rua, por exemplo.

Esse tipo de coisa atrapalha, e muito, a concentração de quem precisa seguir uma linha de raciocínio, sem sofrer interrupção brusca. Por isso, minimizar esses rompantes de barulho já ajuda a melhorar a produtividade e a evitar muito estresse.

Como melhorar o conforto acústico nos ambientes?

Conforme já pontuamos, em ambientes de trabalho ou em casa, quando queremos relaxar e ficar em paz, a presença de ruídos pode dar origem a problemas de saúde mental e física. Esses são motivos para afetar a produtividade e a qualidade do sono.

É por isso que o investimento em soluções para promover o conforto acústico já é uma forte tendência no mercado e ganha cada dia mais adeptos. Em um mundo assombrado por barulhos excessivos e inoportunos, cuidar da saúde auditiva e mental tornou-se uma necessidade que pode significar um diferencial nos imóveis de todo tipo.

Portanto, para quem precisa adotar soluções com mais conforto acústico no imóvel todo ou em apenas um cômodo, separamos 5 dicas que podem ajudar. Confira!

1. Use materiais fibrosos

Barulhos e ecos em corredores externos e dentro de casa ocorrem quando se mantém aposentos vazios ou revestidos de materiais que provocam a reflexão do som, como porcelanatos, vidros e paredes lisas. Por isso, acessórios e móveis com uma grande quantidade de material fibroso em sua composição são grandes aliados para barrar ou minimizar ruídos.

Então, se esse é o seu problema, use e abuse de tapetes, almofadas, cortinas, estofados, mantas e outros elementos que guarneçam o ambiente e absorvam o excesso de som.

2. Vede janelas

O som se propaga no ar por meio das moléculas dos gases e de partículas. Assim, uma forma de vedar a entrada de ruídos dentro dos ambientes é procurar tapar o máximo possível todo tipo de fresta nas janelas, por exemplo. Para tanto, você pode recorrer a um selante acústico em brechas ou eventuais rachaduras.

Na hipótese de você estar reformando ou construindo o seu imóvel do zero, essa é a oportunidade perfeita para instalar janelas de vidro com camada dupla ou tripla. Elas são excelentes para proporcionar aquele silêncio tão desejado por muita gente. Outro detalhe importante são boas esquadrias, que podem bloquear a entrada de som.

3. Utilize manta acústica

Moradores de apartamentos costumam se estressar muito com sons que partem do morador de cima, como saltos, coisas que caem, móveis que são arrastados, conversas e música alta. Por isso, o ideal seria que o próprio vizinho de cima aplicasse uma manta acústica sob seu contrapiso, ou pisos do tipo vinílico, que são mais macios.

Contudo, pensando em soluções mais práticas, que você mesmo pode providenciar, é possível recorrer a um forro com manta acústica aplicada no entreforro do apartamento. Esse recurso não é capaz de isolar completamente, mas já atenua bastante os sons indesejáveis da vizinhança.

4. Proteja as paredes contra sons externos

Quando o ruído parte de ambientes adjacentes, como paredes que dividem cômodos, a solução para proporcionar mais conforto acústico no imóvel todo pode ser um revestimento das paredes com materiais isolantes, como isopor, lã mineral, mantas de borracha e mantas plásticas. Esses tratamentos acústicos podem ser aplicados até em fachadas a fim de impedir a entrada de sons dentro do imóvel.

Entretanto, uma alternativa para esse material é o uso de adesivo ou papel de parede, especialmente os mais espessos. Aliás, quanto mais grosso o revestimento, melhor. Assim, além de minimizar a propagação do som que vem do entorno, eles servem para produzir mais conforto acústico aos aposentos separados por paredes.

5. Crie barreiras com plantas

A natureza sempre pode colaborar com as melhores soluções para a qualidade de vida como um todo. Essa é uma realidade a que muita gente tem acesso, mas poucos aproveitam o potencial que o verde tem como forma de atenuar os impactos de ruídos indesejáveis, nos diversos ambientes.

Mas como isso é possível? Primeiramente, é interessante entender como o som se propaga nos espaços. Uma das formas ocorre por meio de superfícies planas. Então, na prática, sempre que as ondas sonoras se chocam com uma área lisa e reflexiva, como a alvenaria e o mármore, o reflexo do som acontece de maneira uniforme, ou seja, em linha reta. Portanto, quando o som atinge esses materiais rígidos, ele bate e retorna, produzindo eco.

Já em superfícies irregulares ou dinâmicas, as ondas sonoras rompem a uniformidade, com isso se espalham pelo ambiente. As plantas apresentam áreas desiguais, flexíveis. Sendo assim, quando o som atinge sua superfície, o reflexo ocorre de maneira difusa, fazendo com que o eco e a intensidade dos ruídos sejam reduzidos. Além disso, as plantas podem colaborar com um ar mais limpo, fresco e com uma decoração suave, aconchegante e colorida ao mesmo tempo.

É inegável que o conforto acústico realmente traz mais tranquilidade para quem trabalha em casa nesses tempos de home office. Então, não deixe de usar o máximo de recursos a seu favor, como os que indicamos neste post, para ter dias de trabalho mais produtivos e satisfatórios.

Aproveite, também, e espalhe essas dicas para os seus amigos e contatos compartilhando este post nas redes sociais, afinal, muitos deles podem estar em busca das mesmas soluções.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.