Decoração de interiores: guia completo para otimizar ambientes e trabalhar em home-office

1. Introdução

Se você não é da área, possivelmente sabe os efeitos que um ambiente bem projetado causa na sensação de bem-estar, mesmo que não saiba nomear o que gerou tudo isso. Mas o conceito tem nome e se chama decoração ou design de interiores, que se refere ao conjunto de técnicas utilizadas na ornamentação e composição de um espaço, seja comercial, seja residencial.

Conseguiu entender do que se trata? Ainda que você passe o resto da vida sem conhecer essa definição, é inegável a sensação que sentimos ao habitar ambientes que tiveram a preocupação com a decoração e aqueles que não levaram o assunto a sério.

Pensar nisso em tempo de home office, especialmente o que foi ocasionado por um isolamento social fruto da pandemia, é indispensável para que as horas vividas em um mesmo espaço sejam as mais proveitosas e aconchegantes possível. Caso contrário, o desenvolvimento das atividades profissionais pode ser prejudicado.

Então, se o seu objetivo é construir ambientes mais aconchegantes e eficientes para o home office, veio no lugar certo. Neste e-book, trouxemos dicas de soluções para otimizar espaços e harmonizar ambientes. Boa leitura!

2. Qual é a importância da decoração de ambientes internos?

Se você continuou a leitura, já se deu conta que a decoração de interiores não se trata de um mero apelo visual, mas de um conjunto de técnicas que podem promover uma maior qualidade de vida e aconchego em um ambiente a partir de iluminação, cores, imobiliário, layout e muito mais.

Vai dizer que você nunca se sentiu mais à vontade em um ambiente do que em outro, independentemente da companhia, e não conseguiu explicar a razão por trás disso? Possivelmente, a explicação se encontra na decoração de interiores. Continue conosco e entenda o porquê.

2.1 Layout

Layout é um termo em inglês que corresponde aos elementos gráficos presentes em uma superfície ou um cenário e à maneira como eles são distribuídos. Em outras palavras, fazendo uma associação direta com o design de interiores, trata-se da posição de objetos, equipamentos, mobiliários etc. Essa escolha precisa considerar não apenas o aspecto estético, mas também funcional e o bem-estar de quem frequenta o espaço.

Quer dizer, dentro do layout, ocorre a divisão de um espaço, que pode dar-se por meio de objetos, paredes ou mobiliários, tudo conforme uma avaliação profissional, às necessidades e aos interesses dos usuários. Nesse sentido, até considerar as rotas de fuga para incêndio é importante no layout.

Para ajudar no seu entendimento de como o layout de interiores funciona, tente imaginar o design de um site. A quantidade de elementos, o estilo de cada um deles e a forma como estão dispostos influenciam na percepção e usabilidade de um usuário, assim como ele pode tornar-se mais ou menos agradável também por influência desse aspecto.

2.2 Cores

As cores de todo e qualquer elemento existente em um ambiente influenciam na percepção e qualidade de vida do usuário. Não é à toa que clínicas de saúde, SPAs e consultórios de psicologia, por exemplo, seguem um padrão de cores. Isso porque, conforme afirma a cromoterapia, os olhos humanos captam as ondas de cores, e, a partir disso, são produzidas sensações no cérebro.

2.2.1 Verde

O verde é comumente associado à esperança, mas, além disso, a cor também pode simbolizar tranquilidade e fertilidade. Assim, ela é mais utilizada em salas de reunião e de espera. Quer dizer, imagine optar por cores que provocam inquietação nesses espaços. A sensação causada possivelmente será diferente da almejada.

2.2.2 Vermelho

Falando em cores que trazem a sensação de inquietude, o vermelho não poderia ficar de fora, já que é justamente associado ao amor, à paixão, ao perigo e ódio. Além do mais, a cor é fisiologicamente a mesma presente quando nosso nível de pressão arterial é elevado, especialmente em momentos de raiva.

2.2.3 Amarelo

É uma cor comum em áreas de lazer e convivência, já que representa diversão, recreação e felicidade. Porém, especialmente nesse caso, é preciso usar o bom uso para que o excesso de escolha dessa cor não cause estresse, ansiedade ou, até mesmo, outros aspectos negativos que o amarelo pode representar, como ciúmes, fraqueza, ganância etc.

2.2.4 Azul

O azul costuma ser muito presente em clínicas de saúde, ambientes de trabalho e salas de reunião, já que a tonalidade tende a trazer uma maior sensação de harmonia, fé, confiança e demais sensações calmas.

2.2.5 Preto

O preto é uma das cores mais comuns, e seu uso pode trazer diferentes sensações, quando feito de forma equilibrada, e outras, quando excessivo. Quer dizer, a cor é associada à elegância, à modernidade e ao poder, mas também pode remeter à violência, à solidão e à morte.

2.2.6 Branco

O branco é outra tonalidade clássica e muito presente nas decorações de interiores, já que é considerada neutra e associada a sentimentos positivos, como tranquilidade, paz e calma. Porém, ter o bom senso também é especialmente importante nessa tonalidade: seu excesso pode tornar a decoração de um ambiente impessoal.

2.3 Mobiliários

Os mobiliários fazem parte da organização da layout e precisam ser bem posicionados para casarem de forma adequada. Mas, além disso, principalmente quando se trata de home office, priorizar mobiliários confortáveis e ergonômicos, para se ter uma melhor adaptação física dos usuários, que normalmente passam horas sentados, é indispensável.

Afinal de contas, adotar mobiliários que não considerem as características físicas dos trabalhadores em home office durante a decoração de interiores impacta o bem-estar e a capacidade produtiva dos profissionais, o que mostra a importância de pensar em móveis para além da estética e harmonia com o ambiente.

Achou exagero? Saiba que pesquisas realizadas juntamente a especialistas do G1 mostraram a relação da dor no corpo com a escolha da cadeira. Assim, algumas dicas simples podem facilitar a procura pelo mobiliário adequado: priorize cadeiras com regulagem de altura e encosto anatômico para as costas. Além disso, fique de olho nos sinais que o corpo pode dar.

2.4 Acessórios

O termo acessório costuma ser subestimado quando se trata de impactos positivos que isso pode trazer em um ambiente, mas saiba que, quando bem utilizado no ambiente e somado a demais fatores, como os mencionados, é possível interferir no bem-estar e até na capacidade produtiva.

A escolha dos acessórios varia conforme os interesses e as necessidades dos clientes, mas é possível utilizar esses itens com inteligência pelos profissionais de decoração e tornar um ambiente mais aconchegante e até seguir um estilo decorativo, como tropical, vintage, clássico, moderno, industrial etc.

Tenha em mente que o ambiente do home office é naturalmente onde você passa mais tempo. Para ele ser o mais agradável e proveitoso possível, existem medidas que ajudam a torná-lo mais a sua cara e trazer boas sensações para o espaço. Não é à toa que mesas de escritório são normalmente decoradas com acessórios pessoais, como fotos e outras lembranças especiais.

2.5 Iluminação

A iluminação é outro ponto que precisa ser considerado para além da estética. Afinal, a falta de uma adequada para o home office pode interferir diretamente na produtividade do trabalho e até causar problemas de saúde, como dores de cabeça e dificuldades de enxergar. Por isso, é tão importante a realização de um planejamento adequado do layout do projeto.

É a partir do layout que se pode definir a escolha adequada das luminárias para o ambiente e como cada uma delas será utilizada em um espaço, conforme as necessidades e os interesses do usuário. Porém, é importante deixar claro que a iluminação projetada não se restringe às luminárias, mas também à paleta de cores escolhida, ao tamanho dos imóveis e móveis etc., já que todos esses fatores interferem na luminosidade.

Nesse sentido, existem diferentes tipos de luzes, cada uma delas proporcionando variados efeitos conforme as intenções do projeto. Por exemplo:

  • iluminação indireta — a luz é refletida de forma incidente e se espalha suavemente pelo ambiente;
  • iluminação direta — os pontos de luz são posicionados em lugares estratégicos, conforme a necessidade dos espaços;
  • iluminação difusa — é o tipo de iluminação mais comum nas residências do Brasil e ocorre com a distribuição uniforme da luz no ambiente.

3. Quais são os principais estilos de decoração?

Conforme mencionado, a decoração de interiores sempre precisa considerar a visão do cliente no planejamento do layout, e isso é influenciado por diferentes estilos de decoração, mesmo que haja referências de mais de um deles em um mesmo projeto. Conhecer mais sobre essas possíveis referências ajuda numa melhor escolha de estilo. Confira a seguir!

3.1 Clássico

Clássico nunca sai de moda, mesmo que esse estilo de decoração resgate elementos de séculos passados, como o uso de papel de parede, lustres, mobiliários imponentes, iluminação amarela e muito mais. Para introduzi-lo no home office ou em qualquer outro tipo de ambientação, não é preciso necessariamente adotar todos esses elementos, mas apenas a sua essência.

3.2 Industrial

O estilo industrial é um dos queridinhos atualmente, especialmente entre os mais jovens e modernos, como em apartamentos de Nova Iorque. Isso porque se trata de um estilo decorativo surgido em 1970, quando os usuários de um espaço precisavam integrar a casa ao trabalho.

Hoje em dia, a opção é adotada muito mais pelo apreço do que por uma necessidade. As principais características do estilo, as quais você possivelmente já viu por aí, especialmente nas séries e filmes atuais, são as vigas expostas, as paredes de tijolos e o concreto aparente.

3.3 Boho

Esse estilo une diversos elementos de outras tendências de decoração, principalmente a pegada mais hippie e rústica, que pode aparecer em mobiliários, paredes, tecidos e texturas que fazem parte da estética. O estilo costuma trazer mais personalidade e aconchego para um ambiente, como a presença de plantas, elementos vintage, cores, muitas camadas etc.

3.4 Rústico

Especialmente para quem começou o home office por conta da pandemia, o estilo rústico se tornou um queridinho, já que traz elementos campestres e da natureza, como ao utilizar madeira, couro, fibra natural etc. Durante a quarentena, muitas pessoas optaram por passar uma temporada em sítios e casas de fazenda.

4. O designer de interiores é importante para a composição do ambiente?

Ao perceber as diferentes possibilidades que a decoração de ambientes pode proporcionar e no quanto cada escolha influencia na estética, na ergonomia, no bem-estar e na funcionalidade de um espaço, fica mais fácil entender a importância de ter um profissional, como o designer de interiores, à frente de tudo isso.

Afinal de contas, o profissional precisa elaborar o projeto seguindo normas técnicas de ergonomia, térmica, acústica e luminotécnica para garantir que tudo ocorra conforme as necessidades e os interesses dos clientes, sem frustrações e maiores dores de cabeça futuras.

4.1 Diferenças entre arquiteto, decorador e designer de interiores

Esses conceitos costumam ser confundidos, mas se tratam de profissões diferentes. A confusão pode causar, além da desinformação, problemas de responsabilidade civil e atração legal.

Quer dizer, decoradores e designers de interiores não podem propor alterações na obra física, como é o caso do arquiteto. Suas funções se restringem à escolha de cores, acessórios, mobiliários e demais elementos que não causem alteração física em uma obra.

5. O que é importante considerar no layout de um home office?

O home office precisa ser bem planejado para que isso ajude na maior produtividade e qualidade dos indivíduos. Afinal, como ficou nítido, todos os elementos podem interferir nesses aspectos.

5.1 Espaço mínimo para instalação

O tamanho do local escolhido para o home office depende da realidade de cada indivíduo, mas especialistas no assunto indicam que o ideal seja um espaço entre 7 e 9 m², embora também seja possível montar em locais menores.

5.2 Localização

A localização ideal para o home office é próxima de tomadas, para ser possível ligar aparelhos eletrônicos com tranquilidade. Além disso, outra recomendação é evitar home office no quarto, a fim de que o trabalho não interfira na privacidade e na qualidade do sono.

5.3 Decoração

As cores provocam diferentes estímulos e devem ser consideradas estrategicamente no home office. Uma sugestão é apostar no clássico P&B, que deixa o visual mais clean e reflete a luz natural para o ambiente. Optar por artigos decorativos que trazem personalidade para um espaço também é recomendado.

5.4 Móveis

Os móveis devem ser escolhidos considerando o tamanho disponível no home office. De qualquer forma, é indicado investir na qualidade desses materiais. Isso porque móveis de qualidade têm alta durabilidade e ajudam na ergonomia, evitando problemas de coluna e de produtividade.

6. Conclusão

Como foi possível notar ao longo deste e-book, a decoração de interiores traz benefícios que vão muito além de um ‘’colírio para os olhos’’ ao propor elementos decorativos no espaço. Ela também envolve ergonomia, funcionalidade, bem-estar, aconchego e produtividade, o que é especialmente útil no home office. Assim, os indivíduos podem ter um tempo mais proveitoso na sua rotina de trabalho e lazer dentro de casa.

7. Sobre a Flexform

Entre fatos como a construção de Brasília por Oscar Niemeyer e o surgimento na Inglaterra dos Beatles, o grupo musical mais aclamado da história, a Flexform inicia as suas atividades em 1965, como pioneira na fabricação de componentes para cadeiras e poltronas na América Latina.

No mesmo período em que se consolidou a arquitetura contemporânea em meados dos anos 1990, a Flexform passa a produzir cadeiras e transformá-las em seu principal negócio.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos gratuitamente por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

3 Comentários

  1. It’s an amazing post
    designed for all the internet people; they will get advantage from it
    I
    am sure.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.